Tecnologia

Vendas de GPUs Crescem em 2016, mesmo com a Retração do Mercado de PCs

Elisama Silva


A pesar de a indústria dos desktops tradicionais continuar em sua tendência de retração, o mercado de GPUS dedicadas teve um ótimo desempenho em 2016. Segundo informações divulgadas pela John Peddie Research, a AMD e a NVIDIA enviaram aproximadamente 13 milhões de dispositivos às lojas durante este ano.

Enquanto a AMD foi responsável por 3,8 milhões das placas de vídeo distribuídas, a NVIDIA continua a dominar o mercado com suas 9,25 milhões de unidades. O bom desempenho é explicado pelo fato de que, embora computadores pré-montados estejam sendo substituídos por smartphones e outros gadgets mais simples, o segmento de jogadores hardcore continua bastante saudável.

O desempenho das fabricantes também ajuda a explicar o motivo pelo qual muitas empresas, incluindo nomes como MSI, Alienware e Razer, parecem apostar cada vez mais em oferecer máquinas de alto desempenho. Segundo a JPR, 2016 foi marcado por uma maior busca por GPUs de alto desempenho, enquanto os modelos mais econômicos (e menos poderosos) diminui um pouco.

AMD em situação delicada

Em meio a esse cenário, a AMD continua em uma situação delicada: o aumento de vendas registrado recentemente pela companhia é atribuído principalmente ao Xbox One S e ao PlayStation 4 Pro, que oferecem pequenas margens de lucro à empresa. Somando suas divisões de GPUs e CPUs, os negócios da empresa possuem somente 27% do tamanho que apresentavam há 5 anos.

 

 

Foto: TecMundo.

 

 

 

A situação pode ser revertida caso a companhia realize um lançamento bem-sucedido de sua linha Vega, que deve chegar ao mercado na primeira metade de 2017. No entanto, enquanto isso não acontece, os consumidores que procuram o maior desempenho possível continuando a ter na linha Pascal da NVIDIA como a melhor opção de investimento.

 

Fonte: TecMundo.


Tecnologia

Vendas de GPUs Crescem em 2016, mesmo com a Retração do Mercado de PCs

Elisama Silva


A pesar de a indústria dos desktops tradicionais continuar em sua tendência de retração, o mercado de GPUS dedicadas teve um ótimo desempenho em 2016. Segundo informações divulgadas pela John Peddie Research, a AMD e a NVIDIA enviaram aproximadamente 13 milhões de dispositivos às lojas durante este ano.

Enquanto a AMD foi responsável por 3,8 milhões das placas de vídeo distribuídas, a NVIDIA continua a dominar o mercado com suas 9,25 milhões de unidades. O bom desempenho é explicado pelo fato de que, embora computadores pré-montados estejam sendo substituídos por smartphones e outros gadgets mais simples, o segmento de jogadores hardcore continua bastante saudável.

O desempenho das fabricantes também ajuda a explicar o motivo pelo qual muitas empresas, incluindo nomes como MSI, Alienware e Razer, parecem apostar cada vez mais em oferecer máquinas de alto desempenho. Segundo a JPR, 2016 foi marcado por uma maior busca por GPUs de alto desempenho, enquanto os modelos mais econômicos (e menos poderosos) diminui um pouco.

AMD em situação delicada

Em meio a esse cenário, a AMD continua em uma situação delicada: o aumento de vendas registrado recentemente pela companhia é atribuído principalmente ao Xbox One S e ao PlayStation 4 Pro, que oferecem pequenas margens de lucro à empresa. Somando suas divisões de GPUs e CPUs, os negócios da empresa possuem somente 27% do tamanho que apresentavam há 5 anos.

 

 

Foto: TecMundo.

 

 

 

A situação pode ser revertida caso a companhia realize um lançamento bem-sucedido de sua linha Vega, que deve chegar ao mercado na primeira metade de 2017. No entanto, enquanto isso não acontece, os consumidores que procuram o maior desempenho possível continuando a ter na linha Pascal da NVIDIA como a melhor opção de investimento.

 

Fonte: TecMundo.

TAG Tecnologia